0
Shares
Pinterest Google+

E ajudar os cientistas nas nomenclaturas

Agora já é possível fazer mais do que admirar auroras boreais… Poderá até baptizá-las! É isso mesmo, a Visit Arctic Europe, organização que promove o turismo naquela região, convida o público de todo o globo a deixar a sua marca baptizando as tempestades que causam as autoras boreais. Estes fenómenos ópticos formam-se quando as tempestades solares enviam partículas de vento em direcção à Terra. Quando estas partículas entram em contacto com o campo magnético do nosso planeta e a atmosfera temos, então, a oportunidade de assistir àquilo que chamamos de auroras boreais. Num processo semelhante ao que nomeia os furacões, que recebem nomes próprios todos os anos, pretende-se agora nomear as auroras, com a diferença que será o público em geral a participar neste processo. Baptizar as autoras boreais facilitará a discussão entre cientistas acerca deste tipo de tempestades. Actualmente a sua identidade é retirada de uma lista de nomes inspirada na história, na cultura e na herança nórdica, sendo cada escolha realizada por um sistema variável que escolhe um nome de uma lista de nomes finlandeses, suecos ou noruegueses. Agora qualquer um de nós poderá participar na escolha das referidas identidades. Basta visitar o website (https://thisisarctic.com/) e explicar a razão pela qual acreditamos que a aurora boreal deveria adquirir um determinado nome. Se tivermos sorte, a nossa sugestão poderá vir, então, a dar identidade a um espectáculo natural como estes!

Previous post

Há água na Lua

Next post

Story Museum de Oxford